A relevância da gestão tributária nas empresas

Receita desnatura ganho de capital nas negociações a prazo com imóveis
14 de fevereiro de 2020
Isenção de ISS para cooperativas de táxi é aprovada na CAE e vai a Plenário
14 de fevereiro de 2020

A relevância da gestão tributária nas empresas

Por José Carlos Braga Monteiro 
12/02/2020

Segundo o dicionário, “gestão significa administrar, gerenciar alguma coisa ou alguém”. Basicamente, gestão tributária significa gerenciar, administrar tributos e contribuições de forma mais econômica para a empresa, observada a legislação vigente.

Trata-se de uma tarefa difícil, dada a sua complexidade e rapidez com que sofre mudanças. Outro fator a se destacar diz respeito a quantidade de normais legais, tanto as da área federal, estadual e municipal.

Há situações em que o fator local da empresa irá representar uma maior ou menor carga tributária se considerarmos os tributos estaduais e municipais. Soma-se a isso alguns incentivos fiscais.

A elevada tributação poderá inviabilizar muitas operações e, conforme o caso, a produção de determinados produtos. Carga tributária elevada poderá tornar determinados produtos não competitivos, uma vez que, em princípio, ela é repassada para o consumidor final.

A efetividade dessa gestão está ligada à qualidade do sistema de informações da empresa, a sua Contabilidade, sua operação e, de forma também efetiva, a sua administração. Nesse universo de tributos e contribuições, destacamos o IRPJ, CSLL, PIS COFINS, ICMS, IPI, ISS, tanto no regime de tributação pelo Lucro Presumido quanto pelo Lucro Real.

É importante destacar que se trata de um trabalho contínuo que requer análise detalhada e acompanhamento diário. Há fatores externos que podem ter influência e provocar ajustes no trabalho de gestão tributária. Entre eles, podemos destacar a conjuntura nacional e a internacional.

Empresas exportadoras, bem como importadoras, são mais suscetíveis a questões externas, devido a fatores tais como elevação ou queda do valor do dólar, restrições sobre importações e exportações, litígios entre países com os quais as empresas possuem relações comerciais.

Podemos resumir a relevância da Gestão Tributária dizendo que num país como o Brasil, onde a carga tributária é muito representativa no preço dos produtos e serviços, a empresa que não estiver atenta poderá pôr em risco sua permanência no mercado.

Tributario.com.br